reumatismo

Reumatismo: o que é esta “doença”?

Você sabia que o reumatismo não se refere a uma doença específica, mas sim a um conjunto de doenças reumatológicas? O que essas doenças têm em comum é que todas elas afetam os músculos, as articulações e o esqueleto, causando dores e limitações dos movimentos.

O termo reumatismo já não é utilizado. A razão para isso é que os médicos enfatizam que se busque um diagnóstico adequado. Então, procure um especialista que possa diagnosticar, orientar e oferecer o tratamento apropriado.

Existem mais de 100 doenças reumatológicas diferentes. Entre elas estão a artrite,. a fibromialgia, a gota. a lombalgia, o lúpus e a artrose.

Causas, sintomas e tratamento do reumatismo

Como dissemos, o reumatismo se refere na verdade a um conjunto de doenças. Então, para cada uma dessas doenças, a causa, o sintoma e o tratamento serão diferentes. Sendo assim, iremos falar um pouquinho sobre algumas delas.

Reumatismo: artrite

A artrite é uma inflamação na articulação que afeta principalmente pessoas de meia-idade e idosos. As articulações mais afetadas são os joelhos, os pés, os dedos, o pescoço, a base do polegar, a região lombar e as ancas.

Causas

Acredita-se que a artrite pode ocorrer por diversas razões. Entre elas estão fatores genéticos, o excesso de peso, lesões que afetam a cartilagem e movimentos repetitivos realizados durantes anos. Doenças sexualmente transmissíveis (a clamídia e a gonorreia), a hepatite C e intoxicação alimentar, causada pela salmonella ou a shigella, também são fatores responsáveis.

Sintomas

O sintomas para esse tipo de reumatismo são:

Dor nas articulações;
Inchaço na área afetada;
Rigidez nas articulações;
Vermelhidão na pele, ao redor da articulação.

Muitas pessoas notam a piora dos sintomas pela manhã.

Tratamento

O objetivo do tratamento é reduzir a dor e melhorar a função. Não há cura para a artrite. Alguns tratamentos procuram diminuir o progresso da doença, mas não há como reverter o desgaste da articulação.

Vale dizer também que não existe apenas um tipo de artrite. Então, lembre-se, o diagnóstico médico é imprescindível!

Reumatismo: gota

A gota é um tipo de artrite e é causada pelo excesso de ácido úrico no sangue. A doença afeta principalmente as articulações, causando inflamação. Porém é importante que se diga que nem todas as pessoas com essa alteração sanguínea terão a doença.

Causas

A gota aparece principalmente em indivíduos com sobrepeso, com vida sedentária ou que consomem bebidas alcoólicas com regularidade. A maior parte dos afetados são homens entre 40 e 50 anos. Mulheres raramente apresentam esse tipo de reumatismo antes de entrar na menopausa.

Sintomas

Os sintomas da gota são:

Inchaço;
Vermelhidão;
Presença de suor na área afetada;
Dor na articulação ao movimentá-la. O mais atingido é o dedão do pé, mas também pode chegar ao joelho, tornozelo, pé, mão, pulso ou cotovelo.

Na maior parte das pessoas, as crises de gota surgem repentinamente e duram de 3 a 10 dias. Sendo as primeiras horas as mais dolorosas. Essas crises podem demorar meses ou até anos para se repetir.

Tratamento

Esse reumatismo é tratado através de medicamentos. Sempre com prescrição médica. Também não há cura definitiva, mas com o tratamento adequado a gota não impossibilita o paciente de realizar suas atividades diárias.

Reumatismo: lúpus

Lúpus é uma doença em que se produz uma quantidade excessiva de anticorpos. Essa alteração faz com que os anticorpos ataquem partes do próprio organismo do paciente. Mesmo que estejam saudáveis. Ela afeta sobretudo a pele, as articulações, o cérebro e os rins.

O lúpus pode se apresentar em diferentes graus. Há casos mais leves, outros que afetam a vida do indivíduo ou até os que são fatais. Afinal, como dissemos acima, ele pode atingir órgãos vitais como o cérebro.

Causas

A causa desse tipo de reumatismo ainda não é conhecida. A doença não é contagiosa e pode começar a se desenvolver por fatores genéticos, hormonais e por infecções. Além de fatores externos como medicamentos, o tabagismo e a exposição solar.

Acredita-se na combinação de fatores internos e externos para o desenvolvimento da doença.

Sintomas

Os sintomas variam muito e não são precisos. Pessoas com lúpus apresentam sintomas que podem ser de várias outras doenças. Entre eles estão:

Febre;
Vermelhidão na pele;
Ansiedade;
Queda de cabeça;
Dor de cabeço ou ao respirar;
Anemia, tontura e convulsões em casos mais graves.

Os sintomas em pacientes com esse tipo de reumatismo pode ficar sem aparecer durante muito tempo e voltar de repente. Por isso, o acompanhamento é vital.

Tratamento

Lúpus é uma doença crônica. Portanto, não tem cura. Por isso, é importante o acompanhamento constante, como já dissemos. Afinal, a doença pode se silenciar por tempo indeterminado.

O objetivo do tratamento é ajudar o paciente a voltar a ter uma qualidade de vida normal, agindo diretamente sobre os sintomas.

Cuidados pessoais com o reumatismo

reumatismo
Imagem: Shutterstock

Como vimos, as doenças reumatológicas são bastante amplas e variadas. Mas seja ela qual for, é indicado fazer exercício físico durante o tratamento. Eles ajudam a aliviar a dor e a melhorar a qualidade de vida até mesmo em pessoas com doenças reumatológicas como o lúpus.

Lembre-se de ter uma vida saudável e pratique exercícios físicos. A atividade física não só trata de doenças reumatológicas, como também as previne!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *